Flauta, Música e Leitura com o 2.º Ciclo – Sons em Liberdade

Dia 20 de março:

“Boa tarde, sejam bem-vindos a esta audição de flauta, canto e leitura “Sons em Liberdade”, dinamizada pelos alunos de Educação Musical do 2.ºCiclo do nosso agrupamento, com a orientação da nossa professora Ana Paula e o apoio da nossa biblioteca”. Era a Clara Barbosa, do 5ºA, a iniciar a apresentação. “Hoje pretendemos fazer memória do momento importante que mudou a vida do nosso país – O 25 de Abril de 1974. Já lá vão 50 anos. “Sons em Liberdade” será uma homenagem a esse grande acontecimento”- disse a Benedita Pereira, do 5ºB. “ Mas a liberdade não tem idade e todos os dias são bons para comemorar este valor essencial para a nossa vida! Através da harmonia dos sons musicais e das palavras iremos mostrar como a liberdade vive em cada um de nós” – afirmou a Clara. ”Que venha a música!”.

“Trova do vento que passa”, a canção de Adriano Correia de Oliveira tinha dado o mote. E o vídeo “25 de Abril num minuto” despertado a curiosidade de muitos e a memória de alguns, poucos. A Diretora do Agrupamento e a Presidente do Conselho Geral do Agrupamento, como sempre, deram as boas vindas e desejaram a todos um bom espectáculo.

E a música respondeu ao chamamento da Benedita com o quinto ano a apresentar três momentos musicais: primeiro o tema musical Uptownfunk, seguido de O tempo é dinheiro e de Pó de arroz.  Depois do quinto ano, houve o primeiro momento de leitura. Dois minicontos de Abril, criados pelos alunos do 2.º Ciclo. Primeiro “Dizem os mais velhos” de Eliana Neves e “Celebrar Abril” de Rita Pereira. Os textos foram lidos pelos alunos Vítor Pinho, do 5ºD, e Lúcia Rocha, do 6ºD. Logo de seguida, presenciou-se a atuação do 6.º ano, que interpretou quatro temas: primeiro O espectador constipado, depois Perdóname, seguido de Titanic e, finalmente, A minha casinha. O Davi Lima, do 6ºD, cantou o tema My Heart Will Go On e encantou a plateia expectante. Mais um momento de leitura e de memória do 25 de Abril se seguiu, agora com textos dos alunos do 3.º ciclo e secundário. “Livres a partir de agora” de Mariana Oliveira e “António, o menino dos cravos” de Maria Resende Silva. Os textos foram lidos pelos alunos Gaspar Silva, do 5ºB, e Rafael Fernandes, do 6ºA. Por fim, o 5º e o 6º ano juntaram-se no palco e, cheios de alegria e muito ritmo, apresentaram o tema “Sexta-feira”, acompanhando com batimentos corporais: palmas, clics, pernas e pés.

E a Clara rematou: “Sons em Liberdade” está a chegar ao fim. Resta-nos agradecer a todos os que tornaram possível este momentoe ao público – aos nossos pais, encarregados de educação, familiares e professores. Vamos todos juntos interpretar o último tema “Somos Livres”. Nunca se esqueçam o que custou a liberdade! 25 de Abril sempre! Viva a Liberdade! “.

Os agradecimentos estendem-se também a todos os “artistas invisíveis” que constituem a ficha técnica do espectáculo: Sr. Fernando e Afonso Sousa, do 11ºD, técnicos do som e imagem, professora Celeste Cerqueira, gravação em vídeo e professora Anabela Brandão e Dª Clara, arranjos e decoração do auditório.

Fim de tarde bem vivido!

“Sons em Liberdade” fez jus ao 25 de Abril!

Visits: 79

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

YouTube
YouTube
Instagram
Skip to content